O QUE É UM OBSERVATÓRIO SOCIAL (OS)?

É um espaço para o exercício da cidadania, que deve ser democrático e apartidário e reunir o maior número possível de entidades representativas da sociedade civil com o objetivo de contribuir para a melhoria da gestão pública.

Cada Observatório Social é integrado por cidadãos brasileiros que transformaram o seu direito de indignar-se em atitude: em favor da transparência e da qualidade na aplicação dos recursos públicos. São empresários, profissionais, professores, estudantes, funcionários públicos e outros cidadãos que, voluntariamente, entregam-se à causa da justiça social

COMO FUNCIONA

Atuando como pessoa prática, em forma de associação, o Observatório Social prima pelo trabalho técnico, fazendo uso de uma metodologia de monitoramento das compras públicas em âmbito municipal, desde a publicação do edital de licitação até o acompanhamento da entrega do produto ou serviço, de modo a agir preventivamente no controle social dos gastos públicos.

Além disso, o Observatório Social atua em outras frentes, como:

  • A educação fiscal, demonstrando a importância social e econômica dos tributos e a necessidade do cidadão acompanhar a aplicação dos recursos públicos gerados pelos impostos;
  • A inserção da micro e pequena empresa nos processos licitatórios, contribuindo para geração de emprego e redução da informalidade, bem como aumentando a concorrência e melhorando qualidade e preço nas compras públicas.
  • A construção de Indicadores da Gestão Pública, com base na execução orçamentária e nos indicadores sociais do município, fazendo o comparativo com outras cidades de mesmo porte.
  • E a cada 4 meses realiza a prestação de contas do seu trabalho para a sociedade.

    Os OS’s são organizados em rede, coordenada pelo Observatório Social do Brasil que assegura a disseminação da metodologia padronizada para atuação dos observadores, promovendo a capacitação e oferecendo o suporte técnico aos OS’s, além de estabelecer as parcerias estaduais e nacionais para o melhor desempenho das ações locais.

    A Rede OSB está presente em mais de 130 cidades brasileiras distribuídos em diversos estados.

    EM SANTA CATARINA SÃO 27 OS:

    • Balneário Camboriú
    • Blumenau
    • Brusque
    • Caçador
    • Chapecó
    • Concórdia
    • Criciúma
    • Florianópolis
    • Içara
    • Imbituba
    • Indaial
    • Itajaí
    • Itapema
    • Joinville
    • Lages
    • Mafra
    • Morro da Fumaça
    • Navegantes
    • Palhoça
    • Pinhalzinho
    • Pomerode
    • Rio do Sul
    • São Bento do Sul
    • São Francisco do Sul
    • São Joaquim
    • Tubarão
    • Xaxim