Em ofício encaminhado ao presidente da Câmara de Vereadores de Joinville, vereador Claudio Aragão, o Observatório Social do Brasil Joinville (OSB-Joinville), em conjunto com a ACIJ, ACOMAC, AJORPEME, CDL e SOMAR-Norte (Sociedade Maçônica Regional Norte de SC), solicitam a devolução parcial do saldo orçamentário 2020 do Legislativo, para combate e tratamento das vítimas da pandemia do Covid-19. As entidades justificam a falta de materiais e equipamentos de proteção individual (EPIs) para os profissionais de saúde, segurança e dos demais serviços essenciais, além da necessidade de compra de equipamentos e ampliação da estrutura de atendimento à população.

O orçamento da CVJ para 2020 é de R$ 60 milhões e o pedido das entidades refere-se à devolução ao Executivo de pelo menos 20% da verba oriunda do duodécimo, o que pode chegar a cerca de R$ 1 milhão/mês. O pedido de economia de recursos abrange ainda, a renúncia às verbas de gabinete, que representa  um montante de R$ 58.320,00 ao mês; a renúncia permanente dos recursos de subsídio mensal dos vereadores, que a soma de R$ 72.051,00 ao mês; e a redução de 30% da remuneração mensal destinada ao pagamento dos assessores e comissionados da casa, que totalizaria uma economia de R$ 165.000,00 ao mês.

“Os empresários e a sociedade estão se unindo para arrecadar recursos a essa causa coletiva. Precisamos exigir que os representantes da população façam a sua parte e renunciem das regalias e verbas excedentes. Cada um deve fazer a sua contribuição nesse momento crítico”, defende Alexsandro Schu, presidente do OSB-Joinville.

No mesmo ofício as entidades defendem que a CVJ fiscalize a aplicação das verbas no combate ao Covid-19, cumprindo naturalmente o papel do Legislativo. “Temos como objetivo exercer o controle social, a fim de garantir a qualidade na aplicação dos recursos públicos, principal função do Observatório Social do Brasil Joinville (OSB-Joinville)”, acrescenta Schu.

Sobre o OSB

O Observatório Social do Brasil Joinville (OSB-Joinville), é organização não-governamental, sem fins econômicos, no exercício da cidadania, que tem a missão de controle social e acompanhamento dos gastos públicos, previstas no artigo 5º, inciso XXXIII e XXXIV, da Constituição Federal.
Oficio 014-2020 – CVJ

Share

Home working

Em atenção às orientações de determinações do Ministério da Saúde e Governo do Estado de Santa Catarina, e em respeito a toda a população, estamos temporariamente atuando em Home Office.

Share

Sistema OSB não irá cessar suas atividades de monitoramento e controle social.
 

Para que isso aconteça com sucesso, os portais da transparência dos municípios precisam estar acessíveis, com fácil localização das informações e o principal, atualizados. O Sistema OSB toma a iniciativa de comunicar oficialmente as prefeituras e câmaras municipais para que mantenham seus dados sobre compras e gastos em dia, afim de colaborar com o monitoramento dos cidadãos, visando fortalecer e fomentar o controle social.

 

Segundo Belonice Sotoriva, contadora, vice-presidente do Sistema OSB, é “importante ressaltar que as ações adotadas pelos voluntários são pautadas na Lei de Acesso à Informação (LAI – nº 12.527/11) e na Lei da Transparência (LC 131/2009), que regulamentam o acesso à informação pública e obrigam todos os órgãos de todas as instâncias a disponibilizarem seus dados em portais de transparência, em tempo real, especialmente sobre a execução orçamentária e financeira”.

Veja a matéria completa aqui e compartilhem.

Share

Na noite desta quarta-feira (04/03) ocorreu a segunda reunião de Voluntários neste ano de 2020.

A pauta composta por assuntos como licitações, obras, projeto “Observador Social Mirim”, eleições municipais 2020 – projeto “De olho nas eleições”, entre outros, gerou um bate-papo de cerca de 1 hora e foi bastante proveitosa.

A reunião, que ocorreu no auditório da Ajorpeme, foi presidida pelo Sr. Alexsandro Schu, presidente do OSB-Joinville.

 

Share

Obras para implantação de rede de drenagem e reabilitação viária Ruas Prudente de Moraes, Guilherme e Maceió.

Hoje (03/03) foi dia de visitar a obra da Rua Prudente de Morais: verificou-se que no trecho da rua Maceió à rua Visconde de Mauá foi concluído a drenagem, seguindo com a retirada do paralelepípedo para, em seguida, continuar com a drenagem no trecho seguinte.

A referida obra foi licitada através do Edital nº 135/2019 e, foi vencedora a Empreiteira Adrimar a um valor de R$ 4.657.698,36.

Share

CONVITE

Temos um convite pra você! Sim, você que está indignado com a situação em que se encontra a nossa Joinville, principalmente em relação ao estado das ruas da cidade!

Você está convidado a conhecer nosso trabalho e o que estamos fazendo em Joinville.

Venha participar da nossa Reunião Mensal!

Nesta quarta-feira – 04/março/2020 – 18h30 – AJORPEME

 

Share

Em 18/02/2020, visita à obra de requalificação da Rua Blumenau, foi constatado a evolução do trecho entre a Rua General Osório até o cruzamento com a rua Frederico Hübner. Previsão de concluir as três pistas do trecho naquela data, excluindo local das proximidades de dois ponto de ônibus.

 

Em nova visita, no sábado – 29/02/2020, verificou-se que o trecho da Rua Frederico Hubner até a rua Max Colin, a drenagem concluída e está sendo executado preparo para posterior asfaltamento.

Neste mesmo dia, a tarde, sendo realizado a fresagem do asfalto do corredor de ônibus no trecho cruzamento entre a Rua Max Colin até a Rua xv de novembro. Realizando a parte de drenagem apenas no cruzamento com a Rua Max Colin.

 

 

Indignar-se é importante. ATITUDE é fundamental!

Share
Bitnami